Cariótipo com Banda G

Cariótipo com Banda G

O cariótipo é exame que permite o estudo dos cromossomos humanos.

No pré-natal, as indicações do estudo de cariótipo são bem definidas: idade materna avançada, alteração nos exames séricos maternos, alteração na ultrassonografia fetal, antecedente de presença de rearranjo cromossômico num dos genitores, gravidez prévia e/ou criança nascida com anomalia cromossômica ou em alguns casos, por ansiedade materna.

A definição de idade materna avançada merece algumas considerações.

A idade de 35 anos foi estabelecida como indicação para o estudo, porém não deve ser um dado absoluto já que não há um aumento abrupto na incidência de anormalidades dos 34 para os 35 anos, mas uma elevação progressiva com o avançar da idade materna (Gardener & Sutherland,1996).

em dúvida, esta ainda é a indicação mais freqüente para o exame, devido ao risco aumentado de Síndrome de Down (trissomia 21), outras trissomias, rearranjos estruturais, cromossomos marcadores e alterações em cromossomos sexuais.

Como toda gestante, independentemente da sua idade, tem algum risco de ter um bebê com anomalia genética, foram criados métodos de rastreamento universais, principalmente:

  • Ultrassonografia morfológica de primeiro trimestre com medida da translucência nucal (11 a 14 semanas),
  • Ultrassonografia morfológica do segundo trimestre (20 a 24 semanas).

Desta forma, a nosso ver, todas as gestantes devem se submeter no mínimo estes dois exames de rastreamento na gravidez.

Na presença de alterações nos exames séricos maternos, após a realização da ultrassonografia, pode estar indicada a avaliação do cariótipo fetal. Dependendo do tipo de mal formação, a análise do cariótipo pode diagnosticar, em até 30% dos casos, a causa como sendo de origem cromossômica. As alterações de cariótipo mais freqüentemente encontradas nestas situações são trissomias 21, 18 ou 13; monossomia X (síndrome de Turner) ou anomalias estruturais não balanceadas.

Como é feito o exame?

O exame é realizado a partir de amostras de sangue da genitora, em qualquer uma de nossas unidades, mediante agendamento prévio.

Documentos necessários

  • Pedido médico
  • Todas as pessoas maiores de 18 anos envolvidas no teste devem apresentar um documento válido de identificação com foto, como RG ou CNH. Já os menores de idade deverão estar acompanhados de um responsável legal e ambos deverão portar seus documentos originais.

Unidade de Atendimento

Penha e Pompéia – Mediante Agendamento Prévio.